III Edição - 2009

Clique aqui e veja as fotos da edição!

- Público Estimado:
14.500
 
As parcerias deram o tom da terceira edição do Curta Cabo Frio. Com o Greenpeace uma mostra sobre meio-ambiente. Com a TAL (Televísion América Latina), o cinema feito nas Américas. Com a CUFA o cinema das comunidades. Inter TV, Pipa Produções, Gullane e O2 Filmes também estiveram presentes.

Dez dias de puro cinema, 690 inscrições, 249 filmes exibidos, 13 mostras não-competitivas e 12 locais de exibição, o Curta Cabo Frio exibiu o melhor do audiovisual permitindo ao público contato com obras que dificilmente teria acesso.

Mantendo a tradição de homenagear grandes nomes do cinema brasileiro, em sua terceira edição o festival fez reverência a um dos ícones de nossa cultura muitas vezes ignorado: José Mojica Marins, o Zé do Caixão. Exibindo seus filmes mais importantes e curtas do terror tupiniquim o Curta Cabo Frio cria a Sessão Maldita, uma das mais procuradas pelo grande público.

Ampliando sua importância no cenário dos festivais brasileiros, o Curta Cabo Frio passa a exibir os filmes da Mostra Competitiva de Curtas em Película no seu formato original, possibilitando ao público uma experiência única.
 
Os filmes premiados no 3º Curta Cabo Frio:

Melhor Curta Metragem
Com as próprias mãos
 
Melhor Curta Ficção
Com as próprias mãos
 
Melhor Curta Documentário
Samba de Quadra
 
Melhor Curta Animação
A História de Um Umbigo
 
Melhor Direção
Aly Muritiba (Com as Próprias Mãos)
 
Melhor Fotografia
Eduardo Piagge (Samba de Quadra)
 
Melhor Atriz
Ludimila Nascarella (Com as Próprias Mãos)
 
Melhor Ator
Augusto Madeira (Blackout)
 
Melhor Roteiro
Simone Alexal (Blackout)
 
Melhor Edição
Diko Florentino (Com as Próprias Mãos)             
 
Melhor Trilha Sonora
Bernardo Gebara (A Distração de Ivan)


CATEGORIA DIGITAL

Melhor Curta de Ficção
Darluz
 
Melhor Curta Documentário
Várias Vidas de Joana
 
Melhor Curta de Animação
De Ovos e Guarda Chuva
 
Melhor Direção
Thales Coutinho (Sobre Saltos)
 
Melhor Fotografia
Fred Ouro Preto (Darluz)
 
Melhor Atriz
Mawusi Tulani (Darluz) 
 
Melhor Ator
Pedro Henrique Monteiro (Algum dia baby blues)
 
Melhor Roteiro
0oises Liporage ( Sobressaltos) 
 
Melhor Edição
Pedro Jorge (A Vermelha Luz do Bandido)
 
Melhor Trilha Sonora
Paulo Kishimoto (A Luz Vermelha do Bandido)
 
Menção honrosa
Uma história de Flores
 
Menção honrosa da organização do Festival
ET....eu acredito!

 
CATEGORIA CÂMERA DE CELULAR E CÂMERA FOTOGRÁFICA 

MelhorCurta
O pescador e a garça
 
Melhor Idéia Original
Classe executiva
 

PRÊMIO CURTA CABO FRIO

Melhor curta da Região dos Lagos 
Casa de Lama
 

PRÊMIO CURTA ESCOLA
 
Primeiro Lugar
Minha Triste Mocidade - Instituto Mater Coeli
 
Segundo Lugar
Sabiá – CEDIC
  
Menção Honrosa
Pesadelo Real ( pela temática ambiental)
Jornal Pré- Histórico ( pela Criatividade)